Notícias

Clàudio Janta pede revisão de demissões na Carris

Vereador do Solidariedade ponderou, na tribuna da Câmara Municipal, que liberdade de atividade sindical dos trabalhadores que protestaram pela própria segurança e por dignidade de condições de trabalho.

Demissões na Carris
Vereador do Solidariedade ponderou, na tribuna da Câmara Municipal, que liberdade de atividade sindical dos trabalhadores que protestaram pela própria segurança e por dignidade de condições de trabalho.

O vereador Clàudio Janta, do Solidariedade, manifestou-se na tribuna da Câmara Municipal de Porto Alegre em defesa dos trabalhadores demitidos pela Carris. Janta reforçou, em pronunciamento, na tarde de quarta-feira (2/9), que os funcionários sofreram um desligamento irregular da companhia, uma vez que exerciam direitos sindicais de protestar por segurança.

Os trabalhadores estavam buscando segurança para exercer o seu ofício. O que ganharam em troca, foi a demissão. Enquanto isso, o sistema financeiro ganhou liminar para não funcionar. Não que os bancos estivessem preocupados com seus funcionários, mas garantiram a integridade do seu patrimônio" ponderou o vereador.

A companhia Carris confirmou as demissões de cinco funcionários no dia 6 de agosto. Os trabalhadores haviam bloqueado a saída de ônibus da garagem da empresa no dia 3, quando houve diversas manifestações e paralisações de servidores contra o parcelamento de salários anunciado pelo governo estadual. Os rodoviários alegaram que não sairiam às ruas pela falta de segurança, já que o efetivo policial estava reduzido.

Pedimos sensibilidade da administração da Carris em relação a este caso, a estes trabalhadores que têm direitos e que bravamente lutam para garantir o seu trabalho, com segurança e dignidade" completou.

Texto: Andréia Sarmanho (reg. prof. 15.592)

Foto: Ana Cristina Silva

Comentários