Notícias

Procissão de Nossa Senhora do Trabalho abre 1º de Maio

O 1º de Maio iniciou com a demonstração de fé dos trabalhadores, que participaram da tradicional procissão de Nossa Senhora do Trabalho. O sindicalista e vereador Clàudio Janta acompanhou a caminhada, que deixou o Lar do Idoso Dom Luiz Guanella, por volta das 9h30, chegando ao santuário da padroeira, onde aconteceu a missa campal.

Procissão de Nossa Senhora
O 1º de Maio iniciou com a demonstração de fé dos trabalhadores, que participaram da tradicional procissão de Nossa Senhora do Trabalho. O sindicalista e vereador Clàudio Janta acompanhou a caminhada, que deixou o Lar do Idoso Dom Luiz Guanella, por volta das 9h30, chegando ao santuário da padroeira, onde aconteceu a missa campal.

Com a presença de muitos trabalhadores e devotos, a caminhada deixou a rua Ten. Ary Tarrago, passando pela Avenida Alberto Pasqualini, Rua Louvre, Rua Dom Luiz Guanella, até a chegada ao Santuário, na Avenida Benno Mentz. Em frente à igreja, mais fiéis já aguardavam a chegada da imagem da padroeira para o início da missa campal.

Participante assíduo da procissão religiosa no Dia do Trabalhador, Clàudio Janta reforçou o papel da fé na luta dos trabalhadores, lembrada no 1º de Maio.

A fé é fundamental para seguir na luta diária por melhores condições de trabalho e políticas que garantam um dia a dia mais digno para os trabalhadores e suas famílias declarou Janta.

O sindicalista ainda lamentou a ausência do Padre Ivo Catani, que está hospitalizado, recuperando-se de uma cirurgia. No encerramento do ato religioso, os trabalhadores e fiéis à procura de emprego participaram da tradicional bênção das carteiras de trabalho.

Comentários