#Atendimento24h

Projeto dos Postos de Saúde 24h avança nas comissões e será votado no plenário

Projeto define dever do Município em garantir acesso universal às ações e serviços de saúde em suas Unidades Básicas, Unidades de Pronto-Atendimento, Centros de Atendimento e Hospitais que prestam serviço médico hospitalar, durante as vinte e quatro horas do dia, em todos os dias da semana.

Postos de Saúde 24h
Projeto define dever do Município em garantir acesso universal às ações e serviços de saúde em suas Unidades Básicas, Unidades de Pronto-Atendimento, Centros de Atendimento e Hospitais que prestam serviço médico hospitalar, durante as vinte e quatro horas do dia, em todos os dias da semana.

O projeto de emenda à lei orgânica que determina a abertura dos Postos de Saúde 24 horas em Porto Alegre avançou um importante passo nesta segunda-feira (2/5), durante a reunião conjunta das Comissões da Câmara Municipal de Porto Alegre. Com parecer favorável, o projeto,que é de autoria do vereador Clàudio Janta, deve ser apreciado pelo plenário, ainda neste ano. Se aprovado, o projeto é promulgado pelo Legislativo, dispensando a sanção do prefeito.

Tivemos hoje talvez a maior vitória do nosso mandato na Câmara Municipal. Depois de garantirmos a viabilidade financeira com a aprovação de diretrizes e recursos, avançamos nessa batalha e o projeto será votado pelo plenário, possibilitando que possamos assegurar um sistema de Saúde verdadeiramente inclusivo e acessível a toda a população" comemorou o proponente.

Em novembro de 2013, Janta entregou à Câmara Municipal um abaixo-assinado com cerca de 96 mil assinaturas em prol dos Postos de Saúde 24h em Porto Alegre. O trabalho foi desenvolvido por lideranças comunitárias e sindicais, em iniciativa promovida pela Força Sindical-RS. Desde então, foram conquistados mais de R$ 95 milhões em recursos, nas leis de diretrizes e orçamento do Município, para viabilizar a ampliação do atendimento nas unidades.

Comentários